Nosso banho quente pode demorar !

Quem acompanha o blog deve estar estranhando o título desta postagem, não é? Bom, resolvemos escrever hoje sobre algo bastante cotidiano. Assim surgiu esta postagem!

Nos cursos, assim como em outras publicações aqui,  costumamos frisar bastante uma fala sobre os 3 “C”s:

  • Contexto: onde estou, o que o meio me mostra e me oferece, quem sou eu, etc.
  • Conceito: o que norteia minhas ações.
  • Conteúdo: que técnicas utilizo , de acordo com os dois pontos anteriores.

Então, vamos ao título da postagem… Estava no banho, pensando em um assunto para o blog. Entre outras coisas, havia também um sentimento de cansaço pelas chuvas que não dão tréguas a Santa Catarina nesta primavera de 2015. Ai surgiu a idéia de resgatar e exemplificar os 3″C”s. Em cada link nas palavras chave abaixo você poderá ver as postagens detalhadas sobre cada assunto.

Contexto

vivemos na mata Atlântica, em Santa Catarina. No mês de outubro as chuvas registradas foram de 387mm.

Conceitos

a Casa da Montanha tem como princípio a emissão zero de resíduos e uso de energias renováveis.

IMG_2466

Conteúdos:

Usamos exclusivamente água de chuva, guardada na cisterna.

IMG_7330p

Para tratar as águas cinzas usamos os círculos de bananeiras que devolvem à natureza a água limpa, usando toda a matéria orgânica na alimentação destas plantas.

IMG_5195p

O aquecimento da água para banho é feito usando lenha de poda de árvores, que é queimada num rocket stove.

IMG_0667

Assim, neste contexto de água em abundância, tratando a água usada com a responsabilidade de devolve-la ao ambiente  limpa, usando recurso local e renovável para esquentar a água, sim, posso tomar um banho demorado! O que seria completamente distinto em um outro contexto, por exemplo, quando vamos à regiões com menos água, ai o uso é distinto.

Isto é o que um permacultor faz: observa e interage, lê a paisagem e o contexto à sua volta, devolve os recusrso usados ao meio ambiente da mesma maneira que recebeu…

Anúncios

4 comentários sobre “Nosso banho quente pode demorar !

    • Gabriel
      Aqui estamos com chuvas fortes desde… julho… Em SC estiagens são de no máximo 50 dias, e estamos no ciclo de grandes chuvas que acontecem a cada 7 anos ( 2001, 2008, 2015). Neste ano, o acumulado em Yvy já bateu os 2000mm, e contando apenas até outubro! Mas melhor muita água, do que falta dela…

  1. Su, muito relevante este debate.
    Acredito que a necessidade de economia de água está diretamente relacionada ao modelo de desenvolvimento que alimentamos cotidianamente nas grandes cidades. A falta de água na “terra da garoa” é a prova disso; a economia de água se tornou uma histeria coletiva por aqui. (e a prova de que ninguém entendeu nada é a utilização indiscriminada de copos descartáveis no lugar dos de vidro, “para não ter que lavar e assim gastar água”)
    Certamente este debate tem outra cara em Brasília, por exemplo: nosso amigos que moram lá, por mais que recolham a água da chuva e dêem a destinação adequada para a água usada, sempre vão ter que economizar.
    Um beijo!

    • Cecília
      Pois é… contexto é tudo… Em regiões como Brasília, depende da sua capacidade de armazenamento. Por exemplo: se na ápoca de chuvas, tenho todas as minhas reservas cheias, e ainda chove, posso, neste momento, tomar um banho mais demorado ( desde que não tenha mesmo como armazenar a água).
      Outro ponto super importante do seu comentário é o contexto São Paulo: a terra da garoa deixou se ser terra da garoa, e sem florestas não há água, e o mito da caverna chamada SP é bem louco, pois segue sem água e a solução de usar copos de plástico é terrível. É o que o David Holmgren chama de “tecnologia marrom”- usar uma tecnologia que tem efeitos que sujam e pioram a questão para resolver um problema ambiental. Os copos plásticos além da poluição, do uso de um recurso não renovável que é o petróleo, e ainda não se faz a conta de quanto se gasta de água para fabricar este plástico…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s