Formação de instrutores de PDC

Verão sempre é especial, e este de 2011 não foi diferente. Em geral é um momento de revermos, nos reciclarmos, receber pessoas queridas em casa. Temos uma grande preocupação em ajudar a difundir a permacultura, compartilhando conhecimentos, pois acreditamos que é uma boa maneira de ajudar a dar novo rumo a crise ambiental e mantermos um planeta para as futuras gerações. E dentro da permacultura temos ainda a preocupação com uma formação profunda, mantendo o astral de alegria, mas priorizando a consistência e a profundidade que o tema merece. Sempre pensando em colaborar neste sentido,  Jorge e eu, organizamos para este mês de fevereiro um curso de instrutores para cursos PDC e o grupo é a turma que aparece na foto abaixo, tirada na visita ao Curupira.

O curso “PDC- medos, desafios e instrumentos” aconteceu neste verão, parte na Escola Autonomia, parte em Yvy Porã. Não houve divulgação, além de uma comunicação interna da rede Permear, e alguns convidados- todos permacultores com PDC , indicados e respaldados por outros permacultores da rede, já que o critério para participar deste curso era ter no mínimo um ano depois do PDC, atuando como permacultor- uma prática, ética, conduta, etc que possibilitasse a troca, o crescimento, etc. Na foto abaixo, Sérgio Pamplona apresentando um dos trabalhos do seu grupo para discussão.

O grupo se constituiu de permacultores mais experientes, como Skye, Sérgio Pamplona, Tomaz Lotufo, Gardel Silveira, e outros mais jovens, com gente do Ceará, Bahia, Distrito Federal, Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina. Os trabalhos começaram em dezembro, com uma parte do curso na modalidade EAD (educação à distância) e depois uma semana intensa presencial. Na foto abaixo o imperdível “perequetê”, coordenado pelo Tomaz…

Nestes dias discutimos alguns fundamentos da educação, de teoria de grupo e em especial os conteúdos propostos por Bill Mollison para o PDC. Fomos lendo, estudando, pensando, avaliando o curso, seguindo fiel à proposta de Mollison, mas ampliando -a ao contexto do Brasil, discutindo os conceitos fundamentais de cada etapa, objetivos, etc. Um trabalho e tanto, que o grupo encarou com alegria e responsabilidade. Na foto abaixo dois grupos trabalhando na sala da casa Mãe de Yvy Porã.

Como um digno encontro entre permacultores, as celebrações foram muitas, as risadas inúmeras, e o compartilhar de ideias e vivências maiores ainda. A ida a Yvy Porã terminou com uma visita ao Sitio Curupira, do casal de permacultores Gardel e Simone, um espaço de permacultura que sempre merece ser visitado… Na foto abaixo a pizzada feita na Casa da Montanha, que acolheu o grupo para as refeições.

Como fruto do curso, este grupo resolveu ampliar o desafio, e seguir nas discussões on line, aprofundando os estudos e as discussões de cada tema, com sonhos visando voos mais altos, com a documentação deste estudo e planos de reencontro no próximo verão, para seguirmos compartilhando a vida, os saberes e as alegrias. Nesta foto um dos grupos trabalhando no sótão da casa Mãe em Yvy.

Na foto abaixo o grupo saindo do último dia de aula, na Autonomia ( faltando apenas a Rosileli que já havia saído para as Minas)- dali saímos todos abastecidos para mais um ano de trabalho, e para celebrar fizemos uma grande comemoração na nossa casa em Florianópolis.

De pé, da esquerda para a direita:  Isabela (BA), Daniel (RJ), Gardel (SC), Luana (CE), Arthur (SC), Karen (PR), André (SP), Monica, Jorge, Suzana e Mariani (SC), Jonas (DF), sentados, também da esquerda para a direita, Tomaz e Lucas (SP), Skye (MG), Iberê e Sérgio (DF), Cecília (SC), Felipe (BA e SP), Angela (BA) e Tiago (CE).

Anúncios

8 comentários sobre “Formação de instrutores de PDC

  1. Que legal essa turma formada , empolgada, praticando a permacultura em todo o pais.Tenho sonho de chegar nesse nivel de informação e experiência,exercer e repassar conhecimento para ajudar a salvar o nosso planeta. Moro em Criciuma – SC e to ansioso em poder fazer o curso PDC ainda esse ano,ainda não sei como vou fazer isso.Comecei a reforma da minha casa planejando e aplicando muitas coisas desde o ano passado sem nem mesmo conhecer a permacultura.Foi pesquisando na internet e por indicação da minha esposa que fez um curso com o Jorge a um tempo atraz conheci o belo trabalho de vocês e assim virei seguidor.
    Parabéns a vocês e a turma toda.
    Abraços!

  2. Ê, Suzana, ê pessoal legal. Foi muito bom, deu o maior gás para o ano mesmo. Vc e Jorge são anfitriões e amigos mais que maravilhosos. Obrigado por tudo.
    Beijos saudosos.

  3. Nada melhor do que compartilhar experiências, alegrias, saberes, ideais com amigos tão queridos!

    “Sonho que se sonha sozinho é só um sonho, mas sonho que se sonha junto é realidade!”, são as palavras que refletem o que senti nesses dias tão especiais…
    Obrigada!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s