4 Comentários

Começando os canteiros da Zona 1

Como a casa da Montanha segue na fase de acabamentos, também começamos a fazer os canteiros da nossa Zona 1, conforme o Design feito e publicado há algum tempo neste blog.

Nossa proposta sempre foi de algo mais do que relatar e compartilhar a construção de uma casa, mas acima de tudo mostrar nossa vivência no processo de construção da moradia- que inclui a casa, seu entorno, o tratamento de efluentes, energia e a produção de alimentos. Esta produção acontece em canteiros, no círculo de bananeiras, espiral de ervas, bordas, etc. Na foto abaixo os primeiros milhos colhidos na casa da montanha plantados no círculo de bananeiras.

Neste final de semana, Jorge trabalhava na porta da lavanderia e o resto da turma colocou sua energia na construção dos canteiros.

Em permacultura fala-se dos canteiros instantâneos, onde se coloca muita energia para fazer a primeira vez, e a partir dali, é só fazer a manutenção. Na construção temos vários conceitos básicos de ecologia, como ciclo de matéria, competição e sucessão, infiltração, micro-climas, etc. Outro conceito importante em permacultura é que os elementos de um design devem ter no mínimo 3 funções, e assim é um canteiro…

Bom, começamos definindo o local: a parte norte da casa, com boa insolação no período da manhã, e perto da casa. Assim, nosso jardim, além das frutíferas plantadas há anos, tem agora o começo dos canteiros. Num fim de semana Suzana com a Mônica, Renato e Marcos Vinícius começaram esta tarefa

O solo é um elemento vivo, assim, construímos solo a partir do solo que temos, para isto colocamos a palhada que irá decompondo-se e alimentando o solo. Portanto não capinamos a área em que faremos os canteiros, deixando ali os micro-organismos, as minhocas, os bichinhos…

O primeiro passo é roçar a região do canteiro e retirar a palha. Em seguida definindo o desenho, cavamos os caminhos ao redor do mesmo. A terra retirada nesta tarefa vai sendo colocada nivelando a área dos canteiros.

Por que cavar os caminhos?  A resposta vem trazendo as 3 funções:

1- permitir uma boa infiltração das águas de chuva, fazendo um canal de infiltração ao redor do mesmo.

2- definir onde as pessoas irão pisar, este caminho será preenchido por serragem, que com o tempo irá compostar e se transformar em solo bom para o canteiro

3- dificultar que a grama ou inços invadam o canteiro.

Em seguida cobrimos a área dos canteiros com uma camada generosa de jornal molhado… Jornal para abafar a grama ou vegetação que esteja ali embaixo, e molhado para não voar com o vento.

Esta simples tarefa possibilita que na competição pelo lugar ao sol, as plantas da horta tenham vantagem sobre as nativas já instaladas na área. Assim, não economize no jornal…

Depois disto, sobre o jornal uma camada de palhada, também generosa, de uns 40cm. Nas bordas vira-se a palha para dentro, como se fosse um cobertor arrumado sob o colchão nos pés da cama.

Finalmente, nos caminhos colocamos a serragem, que irá preencher os caminhos, fazendo com que a água infiltre devagar, que não se suje os pés ao caminhar na horta, e com o tempo, esta serragem compostada irá transformar-se em solo para o plantio no canteiros.

Ainda neste fim de semana, a dupla Renato e Vinicius terminaram de lixar e tratar pelo lado de fora as madeiras do cord wood, que vão deixando a casa cada vez mais bonita!

Anúncios

4 comentários em “Começando os canteiros da Zona 1

  1. Bacana este canteiro,mas qual e o adubo colocado para plantar a horta.
    Abraços
    Sergio

    • Oi, Sérgio
      Estes canteiros ainda não receberam as mudas, que será numa nova ostagem… Usamos APENAs humus de minhocas, misturada à terra boa… Com o tempo, haverá tanta minhoca ali, que isto irá reduzir-se bastante!
      um abraço

  2. Quantas janelas, quantos forros… Quantos cuidados, quanta energia bonita colocada nos detalhes… As bananeiras crescendo bonitas ali ao fundo, a grama voltando verdinha… e o milho dando o ar da sua graça no quintal!

    Queridos, vocês têm uma casa! Uma casa rica do que há de mais precioso.

    Um abraço apertado…

  3. Belo trabalho!
    Gostaria de interargir com vocês.
    Tião Alves

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: